Social Icons

twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedcontato

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Polícia Federal irá investigar suposta fraude no Enem

 Uso de celulares e do Twitter por candidatos durante a prova será um dos alvos da PF
O ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, afirmou nesta segunda-feira (8) que a Polícia Federal irá investigar se os problemas registrados durante a aplicação das provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foram motivados por algum tipo de fraude.
O exame, realizado no fim de semana, foi marcado por erros de montagem de um dos quatro cadernos de prova - de cor amarela - e problemas no cabeçalho das folhas de resposta.
A PF foi acionada também para apurar o uso de celulares e da rede de microblogs Twitter durante as provas.
Após participar da solenidade de abertura do 1º Encontro Nacional da Rede de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, em Belo Horizonte, Barreto demonstrou desconforto ao ser questionado sobre o tema.
- O Ministério da Educação ontem pediu apoio à Polícia Federal. Nós estamos acompanhando o assunto para ver se há algum tipo de fraude ou não. O Ministério da Justiça continua emprestando ao MEC todo apoio da Polícia Federal para desvendar qualquer tipo de problema que tenha ocorrido de forma criminosa nesse evento.
 Gráfica
 A gráfica RR Donnelley, responsável pela impressão dos cadernos do Enem, emitiu uma nota sobre o caso.
Segundo o texto, a impressão dos cadernos foi realizada dentro de rigorosos controles e o erro encontrado representa apenas 0,003% das 10 milhões de provas impressas.
A gráfica informou que houve falha em um dos lotes de produção, que continha 33 mil cadernos amarelos com problema de ordenação. Desse total, 21 mil cópias foram distribuídas. O comunicado explicita que os erros se encontram "dentro da normalidade".
A gráfica também indicou que a manutenção do sigilo do conteúdo impede a leitura do material já impresso. Isto obriga a RR Donnelley a "elaborar critérios especiais de verificação da qualidade de impressão, sem que esse conteúdo seja devassado", de acordo com a nota.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Este blog possui atualmente:
Comentários em Posts!

Estamos no Face!

Visitantes Recentes

Comentários Recentes